ENSINO SUPERIOR

408 mil impressões da prova do Enem

Provas que serão aplicadas neste ano já estão a caminho dos locais do exame. Instituto responsável pelas provas já distribuiu 408 mil impressões em todo o país

Reprodução

altando um mês para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) já começou a distribuir a primeira remessa das 10,2 milhões de provas da edição 2019.  408 mil impressões saíram do 4º Batalhão de Infantaria Leve do Exército, em Osasco (SP), com a escolta da Polícia Militar, em direção a municípios da Bahia e do Pará.

De acordo com o presidente do Inep, Alexandre Lopes, todas as provas que irão atender aos 5,1 milhões de inscritos já estão impressas, cumprindo, assim, o cronograma inicial previsto. O planejamento minucioso da operação foi realizado com antecedência para assegurar a tranquilidade do participante.

Durante a saída das primeiras provas, foram alinhadas as diretrizes operacionais com as entidades parceiras, entre elas a gráfica Valid S/A, a Fundação Cesgranrio, a Polícia Federal, os Correios e a Secretaria de Operações Integradas.

O diretor de Gestão e Planejamento do Inep, Murillo Gameiro, enalteceu o esforço dos órgãos parceiros na operação. “Destaco o papel da Polícia Militar de São Paulo que, durante todo o período de impressão dos cadernos das provas, fez o acompanhamento das provas na gráfica”.

Este ano, o exame ocorre em 3 e 10 de novembro. São 10.133 locais de aplicação do Enem, em 1.727 municípios brasileiros. O Enem avalia o desempenho do estudante e viabiliza o acesso à educação superior, por meio do Sistema de Seleção Unificada (Sisu), Programa Universidade para Todos (ProUni) e instituições portuguesas. O exame também possibilita o financiamento e apoio estudantil, por meio do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies).

VER COMENTÁRIOS
Concursos e Emprego
Polícia
Você, Gastrô!
Entretenimento e Cultura
Mais Notícias