CARNAVAL 2019

Aos 20 anos, Banda Bandida lota ruas do Centro Histórico neste sábado

A banda está se preparando para sua última apresentação da temporada 2019, que ocorre neste sábado, dia 23. 

Foto: Divulgação

Arrastando multidões há 20 anos, a Banda Bandida continua engrossando seu cordão de foliões a cada ano. O atração já é considerada um ícone do carnaval de rua de São Luís. Fundada em 1999, por onde passa, a Bandida espalha alegria e animação. A banda está se preparando para sua última apresentação da temporada 2019, que ocorre neste sábado, dia 23.

A concentração será na Fonte do Ribeirão, a partir das 16h. Quem comanda a festa por lá é a dupla Daniel e Adriana, que embala os brincantes com marchinhas e o melhor da música popular brasileira. No início da noite, a banda de cortejo arrasta centenas de foliões pelo Centro Histórico de São Luís, passando pela Rua do Sol, Beco do Pacotilha, Rua do Egito, até regressar para a Fonte do Ribeirão.

Sempre com o lema “Muita saliência e nenhuma violência”, a Bandida completou em 2019, 20 anos de uma história de muito sucesso. De acordo com o comerciante Milton Gadelha, um dos fundadores da Bandida, tudo começou apenas como uma brincadeira entre amigos. ““Na época, o carnaval tava meio fraco. A gente tava conversando na Praia Grande e passou uma banda das meninas da [Rua] 28, uma bandinha com seis mocinhas dançando e umas cinco pessoas batendo lá um tambor. Um olhou pro outro e disse: ‘vamo fazer uma banda!’. ‘Mas qual vai ser o nome?’. Aí alguém disse ‘Bandida’ e a gente não sabe até hoje quem foi”, relembra Milton Gadelha.

Brincadeira popular

O comerciante garante que, ao longo dessas duas décadas, a banda manteve sua essência popular. “Na Bandida cabem todos. Do povo, do mais pobre e do mais rico. A gente não tem abadá, não tem corda, não tem restrição nenhuma. É para qualquer classe social, para qualquer idade. A Bandida não tem escritório, a Bandida tem comando, tem esconderijo. Os músicos não são músicos, são contrabandistas, os seguranças não são seguranças, são leões de chácara. E nós somos os comandantes”, brinca Gadelha.

Ele lembra de momentos áureos e cômicos da banda, ao citar que a Bandida chegou a levar 10 mil pessoas para a rua e quando se reuniu na porta da antiga delegacia da RFFSA para esperar pela saída dos detidos do carnaval na quarta-feira de cinzas. Apesar de ser conhecida do Centro Histórico, a Bandida já animou o carnaval na Avenida Litorânea e na Península da Ponta d’Areia. Há dois anos a banda se fixou na Fonte do Ribeirão, mas manteve o carnaval seguro, saudável e alegre, reforça Gadelha.

A Banda Bandida se apresentou em todos os sábados do mês de fevereiro no Pré-Carnaval de Todos, evento realizado pelo Governo do Maranhão, por meio da Secretaria de Estado de Cultura e Turismo (Sectur), e em parceria com a Prefeitura de São Luís. Para o carnaval, a Bandida tem agenda confirmada em três dias de folia momesca no município de Caxias.

VER COMENTÁRIOS
CONTINUAR LENDO
MOSTRAR MAIS