PARA CRIANÇAS

Conheça o Kântele, instrumento que ajuda no desenvolvimento infantil

Diferente de outros instrumentos, ele possui uma escala musical pentatônica que é capaz de envolver e acalmar não só crianças, mas adultos também

Reprodução

Você já ouviu falar em Kântele? Também conhecida como Lira Pentatônica, é um instrumento da família das Liras, antecessoras das harpas, que pode ter 7 ou 10 cordas. Diferente de outros instrumentos, ele possui uma escala musical pentatônica (cinco notas) que é capaz de envolver e harmonizar processos físicos por meio de seu timbre leve, doce e carinhoso.

Indicado para crianças entre 0 e 9 anos, o trabalho musical utilizando o Kântele pode preparar os pequenos para a vida escolar, fazendo com que sejam capazes de se aquietar, ouvir e receber o conteúdo.

“São vários os teóricos que recomendam o uso dessa escala no processo de iniciação musical infantil, exatamente porque são apenas cinco notas. E a criança vivenciando unicamente essas cinco notas vai adquirindo autonomia e segurança para compor, criar e improvisar. E como agem por repetição, é natural que elas transfiram para as atividades diárias essa autonomia e segurança”, explica Rogério Jorge, Terapeuta Ocupacional e Musicoterapeuta.

Vice-presidente da recém criada Associação Maranhense de Musicoterapia, Rogério Jorge, fala ainda que o tom aveludado do Kântele traz alento e aconchego. “O bebê sente-se acolhido e confortável no mundo onde acaba de chegar. À medida em que vai crescendo, a criança se familiariza cada vez mais com o instrumento. Quer manuseá-lo, explorá-lo. Imitando os gestos da mãe, ela vai aprendendo a tocar e cantar”, diz.

Em São Luís é possível fazer o curso para tocar o instrumento em grupo ou de forma individual.

KÂNTELE  

É um instrumento oriundo da Finlândia. Rudolf Steiner, filósofo austríaco e criador da Antroposofia, resgatou e ressignificou o uso desse instrumento no início do sec. XX, indicando esse peculiar instrumento pentatônico na musicalização de crianças de 6 a 9 anos. O Kântele pentatônico também tem seu uso no âmbito terapêutico, pois a escala pentatônica e o timbre do instrumento tem qualidades anímicas especiais, atuando diretamente no sistema rítmico-respiratório (respiração e batimento cardíaco) acalmando e relaxando todo nosso ser. Também pode ser utilizado na iniciação musical de adultos.

View this post on Instagram

BRISA DO MAR "Briá enrolou/ uns cachinhos do mar/ só andando vai levando/ meu barco a vagar/ meu barco dourado/ vai breve ancorar/ na areia fininha/ da praia do mar/ vai breve ancorar/ na areia do mar" (Texto:Luiza Lameirão/Música: Alois Künstler/ Adaptação:Meca Vargas) ÉPOCA DOS VENTOS: "Na Pedagogia Waldorf os conteúdos são vivenciados em períodos denominados “épocas” que seguem o ritmo da natureza, cada qual com 4 semanas em média, permitindo um mergulho mais profundo nos temas estudados. As festas e celebrações acompanham esse mesmo ritmo. Com entusiasmo celebramos cada época do ano, festejando as estações e datas comemorativas. Dessa forma, as crianças constroem um calendário interno repleto de vivências significativas que contribuem para o seu desenvolvimento físico, afetivo e cognitivo." Texto: @sercriancabercariowaldorf KÂNTELE PARA CRIANÇAS (06 a 09 anos) SENSIBILIZAÇÃO MUSICAL : Educação Musical Waldorf Vivências em grupo e individuais. Onde? @casaverdeslz PS: Não precisa ter o instrumento, temos alguns para emprestimo durante as vivências, mediante agendamento. "O ouvido e a Voz da criança como essência da musicalização infantil." @rogeriomusicoterapeuta @casaverdeslz MAIS INFORMAÇÕES: (98)9.8911-5605 #kantele #kântele #kânteleévida #epocadosventos #musica #musicalizaçaoinfantil #sensibilizaçãomusical #vivencia #encanto #brisa #praia #areia #fininha #mar #barcodourado #somosluz #antropomúsica #antropomisticos #ambientede5as #musicapentatonica #rogeriomusicoterapeuta #Slz_MA

A post shared by Terapia Musical (@rogeriomusicoterapeuta) on

VER COMENTÁRIOS
CONTINUAR LENDO
MOSTRAR MAIS