TEATRO ARTUR AZEVEDO

Musical Mamma Mia estreia neste sábado

Espetáculo musical ambientado numa ilha grega, e que conquistou o mundo, ganha uma versão que relembra os grandes sucessos do Abba, uma dos maiores bandas da disco music que marcaram as décadas de 1970 e 1980 

Elenco Musical. (Foto: Reprodução)

O Teatro Arthur Azevedo vai se transformar em uma grande discoteca. A casa de espetáculos mais antiga do Maranhão será palco do musical Mamma Mia!, que estreia neste sábado (3), às 20h, com reapresentação no domingo (4), às 19h. Baseado nas canções do grupo pop sueco Abba, que marcaram as décadas de 1970 e 1980, o espetáculo é uma comédia deliciosa e encantadora.

Mamma Mia! conta a história de Sophie, uma garota de 20 anos prestes a se casar, que vive com a mãe, Donna Sheridan, dona de um pequeno hotel na Ilha de Calicos, na Grécia, e que não conhece seu pai. Achando o diário da mãe, descobre que ela teve um relacionamento com três homens diferentes num curto período de tempo, meses antes de seu nascimento, e que pode ser filha de qualquer um dos três. Resolve então convidá-los todos para o casamento – sem que sua mãe saiba – para tentar descobrir qual deles é seu verdadeiro pai, que nem Donna sabe ao certo, e ter seu desejo, de que ele a leve ao altar, realizado.

O sucesso do musical levou à produção do filme Mamma Mia!, com Meryl Streep, Pierce Brosnan e Amanda Seyfried nos papéis principais. Lançado em Portugal e no Brasil em setembro de 2009. O filme já arrecadou mais de U$ 600 milhões internacionalmente. Já a versão maranhense conta com o elenco de 21 atores em cena que fazem parte da Vertu Casa de Artes, que cantarão ao vivo as músicas da história num mix harmônico com as cenas. O espetáculo é cheio de cor e coreografias animadas, além de personagens icônicos que vão garantir muitas risadas.

A partir da estreia na Broadway, em Nova York, nos Estados Unidos, em outubro de 2001, Mamma Mia! começou a ser encenado ao redor do mundo, em turnês nacionais e internacionais ou com espetáculos fixos em cidades como Sydney, Hamburgo, Tóquio, Seul, Madri, Stuttgart, Osaka, Cidade do México, Estocolmo, Antuérpia, Moscou e Milão, entre outros.

Sucessos como Dancing Queen, Mamma Mia, Chiquitita, The Winer Takes It All e outros 15 hits do Abba dão o tom do musical, animado e colorido com uma energia nostálgica. O Abba é uma das bandas de maior sucesso na história da música pop e uma das grandes líderes da disco music, fenômeno musical que contagiou o mundo no final dos anos de 1970. O público vai ser convidado a relembrar o passado, marcado pela moda das botas de couro, figurinos gritantes, indumentárias cobertas de pedras brilhantes e todo o glamour de uma época de ouro que infelizmente não existe mais. As músicas originais de Benny Andersson e Björn Ulvaeus na versão brasileira de Cláudio Botelho serão interpretadas por um elenco de 21 atores com as coreografias dinâmicas de Rebeca Carneiro e trabalho vocal assinado por Paulo Cardoso. “É uma história que tem uma energia visceral, de muita dança, embalada pela trilha do Abba. A essência do Mamma Mia! é essa vontade de te fazer cantar e de ver a vida de forma bem mais descontraída”, comenta o diretor-geral Josué da Luz.

Ainda que o espetáculo mantenha o tom bem-humorado em toda a apresentação, há espaço para a emoção e reflexão. Mamma Mia conversa com as expectativas e sonhos vívidos de gente que já passou dos 40, além de trazer às cenas um exemplo da complexidade das relações entre mães, pais e filhos. Os mais novos vão ter a oportunidade de conhecer o trabalho contagiante do grupo musical Abba, além de se identificar e se divertir com a jovem Sophie e seu Sky. Entre sorrisos e lágrimas de histórias de amor mal resolvidas, o espetáculo fala, essencialmente, sobre amor.

MOSTRAR MAIS