Um terminal de mais de 53 mil metros quadrados do Porto do Itaqui, em São Luís, leiloado à iniciativa privada, deverá gerar investimentos de R$ 214,8 milhões para movimentação e armazenagem de carga no local e modernização do terminal.

Na área circulam, principalmente, carregamentos de papel e celulose. Como não há infraestrutura no local, a empresa que venceu o processo licitatório pelos próximos 25 anos precisa instalar equipamentos apropriados para a armazenagem dos produtos.

Veja Também

Além disso, a proposta inclui a construção de um desvio ferroviário e acesso marítimo ao porto. A estimativa é de que 1,5 milhão de toneladas de celulose passem pelo terminal.

Exportação de celulose

A celulose é o 4º produto de exportação do País. Entre janeiro e junho deste ano, 7,9 milhões de toneladas do produto foram comercializadas no mercado externo, o que gerou uma receita de US$ 4,3 bilhões à balança comercial.