AOS 65 ANOS

Morre Reinaldo, o Príncipe do Pagode

O enterro do cantor será hoje às 17h no Cemitério Municipal de Osasco, em São Paulo

Reprodução

O cantor Reinaldo, conhecido como o Príncipe do Pagode, faleceu na madrugada de hoje (18). O artista estava internando e lutava contra um câncer de pulmão há quatro anos.

A notícia da morte foi divulgada pelo também sambista Arlindinho nas redes sociais e confirmada pela assessoria de imprensa de Reinaldo.

Reinaldo completou 65 anos no último dia 9 de novembro. Ele seguia ativamente sua agenda de shows. Neste domingo (17), o cantor faria um show no Bar Samba, na Vila Madalena, em São Paulo.

Além de Arlindinho, sambistas como Dudu Nobre, Mumuzinho, Ivo Meirelles e Leci Brandão também lamentaram a morte de Reinaldo.

Reinaldo Gonçalves Zacarias nasceu no bairro de Cavalcanti, na Zona Norte do Rio. Em 1977, ele largou o emprego de bancário pelas noites de samba. No começo dos anos 1980, o cantor se mudou para São Paulo, onde fez grande parte de sua carreira musical.

Com a experiência dos pagodes de quintal do Cacique de Ramos, tradicional bloco do subúrbio do Rio de Janeiro, ele ajudou a popularizar as rodas de samba em São Paulo. Em 1999 ele lançou o primeiro volume da trilogia “Pagode pra valer”, discos gravados em rodas de samba ao vivo com convidados como Marcelo D2, Elza Soares, além de estrelas do samba como Jorge Aragão e Arlindo Cruz.

O título de “príncipe do pagode” foi dado por um radialista de São Paulo — e seu “amigo de cachaça”, como contou Reinaldo em entrevista ao Programa do Bial no ano passado — que o apresentava dessa forma na programação da rádio.

Entre os maiores sucessos de Reinaldo estão, “Retrato Cantado de um Amor” e “Sonhos”. Em julho, Reinaldo chegou a sair carregado após passar mal durante um show realizado na Zona Oeste do Rio por conta do câncer.

O enterro do cantor será hoje às 17h no Cemitério Municipal de Osasco, em São Paulo.

VER COMENTÁRIOS
Concursos e Emprego
Polícia
Você, Gastrô!
Entretenimento e Cultura
Mais Notícias