A Polícia Militar conseguiu impedir uma execução e prender três supeitos que iriam praticar o brutal homicídio.

PMs do 8º Batalhão receberam informações de que vários elementos estavam mantendo um homem identificado como Edvan Mendes Aroucha em cárcere privado e planejando executá-lo.

Imediatamente equipes policiais se deslocaram ao bairro Ipase de Baixo, na localidade Japão. Ao perceberem a presença da polícia, um dos suspeitos atirou na vítima, acertando a perna, enquanto os outros dois o seguravam Edvan.

Após o tiro, os três fugiram por uma área de mangue. Com apoio aéreo do CTA, os policiais conseguiram prender Luis Felipe de Araújo Cantanhede, de 26 anos, Leandro Pires Sousa, de 25 anos, e carlos André da Silva Costa, de 18 anos.

Eles foram conduzidos até o Distrito Policial de Plantão das Cajazeiras. A vítima encaminhada a uma unidade de saúde e não corre risco de morte.