Criminalidade

Operação Saturação: 109 policiais ocupam Complexo Coroadinho

A Secretaria de Segurança Pública do Maranhão mobilizou equipes da Polícia Militar e da Polícia Civil em uma operação de combate a criminalidade na região

Na manhã desta terça-feria, 26, foi deflagrada uma mega operação na região do polo Coroadinho, denominada Operação Saturação. 

O secretário Jefferson Portela havia anunciado ontem, 25, após uma extensa reunião com a cúpula da Segurança Pública do estado do Maranhão, que nos próximos dias a polícia militar iria ocupar todo o complexo Coroadinho em resposta aos altos índices de criminalidade que vêm atingindo a região nos últimos dias.

Cerca de 109 policiais que integram as tropas especializadas  do Batalhão de Choque, das Rondas Ostensivas Táticas Metropolitanas (Rotam) e da Companhia de Operações Especiais (COE) da Polícia Militar se encontram na região desde as primeiras horas da manhã de hoje, 26, atuando em conjunto para combater a criminalidade.

Ainda na madrugada, várias pessoas foram conduzidas à delegacia e três indivíduos identificados apenas como ‘Biel’, ‘Pescocinho’ e ‘Mateusinho’ estão sendo procurados por serem os responsáveis pelo pânico que tem assolado a população dos 21 bairros que integram o Complexo Coroadinho.

O trio já é reincidente e tem passagens na polícia por diversos crimes como tráfico de drogas, homicídio e organização criminosa. De acordo com investigações da polícia militar, os bandidos coordenam a distribuição de drogas, armamento e itens roubados entre outros bairros como Vila Embratel, Sá Viana e Gapara, utilizando o Rio Bacanga como rota de fuga.

A Polícia Militar acredita que os bandidos ainda estejam na região e segue com a Operação Saturação por tempo indeterminado.

A operação foi articulada pelo Comandante da Polícia Militar Coronel Jorge Luongo, junto ao secretário Jefferson Portela. Também atuam em conjunto delegados e investigadores da Polícia Civil do Maranhão.

Planejamento

A Operação Saturação foi articulada em modo de urgência, em resposta à criminalidade que assusta a população dos bairros do Complexo Coroadinho nos últimos meses. Só na última semana cinco pessoas foram assassinadas, entre eles um menor de idade que foi morto com sete tiros e uma mulher que foi atingida com disparos na cabeça.

No final da manhã, o Sub Comandante da Polícia Militar do Maranhão  Pedro Ribeiro, o Comandante do Comando do Policiamento Metropolitano (CPAM) 1, Coronel Alexandre; o Comandante do CPAm 2 , Coronel Aritanã; o Coronel Edivaldo do CPAM 3; e o Coronel Zózimo, do Comando do Policiamento do Interior (CPI) reuniram para discutir o planejamento, distribuição e articulação da operação que não tem previsão de término.

Também foram discutidas o funcionamento logístico, revesamento dos policiais e a distriuição de equipamentos para que a operacionalização saia conforme esperado.No final da tarde, o comando da PM irá divulgar um relatório sobre os resultados diários da operação.

VER COMENTÁRIOS
CONTINUAR LENDO
MOSTRAR MAIS