Em busca de trabalho

Africanos estavam indo para o Rio de Janeiro e São Paulo

Os imigrantes resgatados na Baía de São José de Ribamar tinha como destino o Sudeste, onde iriam tentar uma vida melhor no Brasil

Os 25 africanos que foram resgatados na Baía de São José de Ribamar, região metropolitana de São Luís, teriam como destino a cidade de Natal, capital do Rio Grande do Norte. A informação é da Polícia Federal.

De acordo com o delegado da PF, Francisco Robério Chaves, após uma estada na capital potiguar, os imigrantes iriam para o Rio de Janeiro e São Paulo, em busca de emprego. “Eles vieram tentar a sorte, encontraram lá um intermediário e pagaram cerca de mil euros para fazer esse trajeto.”

Os dois brasileiros resgatados na embarcação foram presos em flagrante e serão processados por transporte internacional ilegal de pessoas.

Com idades entre 19 e 35 anos, os imigrantes são homens e vieram em busca de trabalho e melhores condições de vida. Eles teriam ficado 35 dias à deriva no mar em uma embarcação tipo catamarã, que estava em condições precárias.

Eles estão abrigados no Ginásio Costa Rodrigues, que fica no Centro de São Luís. Os africanos, que são de várias nacionalidades, tentam regularizar a entrada no país.

VER COMENTÁRIOS
CONTINUAR LENDO
MOSTRAR MAIS