Operação

Líder do Comando Vermelho preso no Bequimão

Chefe do Comando Vermelho no Bequimão é preso durante operação. A ação foi deflagrada após seis meses de investigações e denúncias dos moradores da região

Na manhã desta quinta-feira (23), uma operação policial, com o objetivo de cumprir 237 mandados de busca e apreensão, foi deflagrada no bairro do Bequimão, em um conjunto de apartamentos inacabados, conhecido como “Poeirão”.
Após seis meses de investigações da Superintendência da Polícia Civil da Capital (SPCC), a ação foi realizada com o objetivo de encontrar armas que estariam escondidas em algumas unidades habitacionais do conjunto.
Uma pessoa foi presa com uma pistola. Ele foi identificado como Luan Alexandre da Silva, que seria um dos chefes do Comando Vermelho.
O superintendente da Polícia Civil da capital, o delegado Armando Pacheco, coordenador da operação, revelou que o local estaria servindo de esconderijo de integrantes de uma facção criminosa, que domina a criminalidade na região, e das armas.
Estas armas estariam escondidas em apartamentos que foram invadidos por integrantes da organização criminosa. A operação também tem o objetivo de localizar pessoas que estejam com mandado de prisão em aberto.
O conjunto de apartamentos inacabado está abandonado há vários anos e foi ocupado por várias pessoas que estariam sem moradia. Mas a polícia recebeu denúncias de uma grande comercialização de drogas no local, que seria movimentada por uma facção criminosa.
VER COMENTÁRIOS
MOSTRAR MAIS