Série C

Sampaio paga mês de junho, mas ainda deve julho

Presidente Sérgio Frota antecipa cota da Copa do Brasil, quita uma folha e batalha para deixar salários em dia

O Sampaio Corrêa vive um ano de complicações fora de campo, mas tem rendido dentro dele. Para que a engrenagem funcione nas quatro linhas, clube precisa trabalhar nos bastidores, dando o suporte necessário para o trabalho seguir fluindo de maneira positiva.

Com isso, o presidente Sergio Frota conseguiu antecipação de R$ 250 mil da Copa do Brasil de 2018 e quitou os salários do mês de junho de jogadores e funcionários.

No sábado, com auxílio da renda da partida diante do Confiança e injeção de recursos próprios, completou os vencimentos da comissão técnica. “Estávamos com dois meses de salários atrasados. Quitamos junho, e agora estamos com julho pendente em quatro dias, já que a folha fecha todo dia 10. Conseguimos pagar os salários, mas ficaram pendentes alguns encargos e despesas operacionais. A luta é imensa, as despesas são altas, diárias, mas a vontade de colocar o Sampaio de volta na Série B é maior”, afirmou o presidente Sergio Frota.

Com mais um jogo em casa, na próxima rodada, Frota também aproveito para fazer a convocação da torcida. “No sábado, teremos uma partida que pode garantir a nossa classificação, contra o fortaleza, adversário direto. Contamos com o nosso torcedor, que é um dos esteios deste clube, para nos ajudar nessa caminhada e não deixar esse sonho se apagar. Esperamos toda a torcida Tricolor no Castelão”, conclamou.

VER COMENTÁRIOS
MOSTRAR MAIS