Fora de campo

Moto identifica torcedor jogou cadeira em campo

O Papão do Norte foi citado na súmula do juiz da partida e com isso, pode sofrer algumas punições

O Moto club tem pela frente o Botafogo-PB, fora de casa, no próximo domingo (13), às 16h, no Estádio Almeidão, na Paraíba. A preparação segue firme, mas nos batidores o time também trabalha forte, pois o departamento jurídico já identificou quem foi o torcedor que jogou uma cadeira no gramado do Castelão, no empate com o CSA-AL, no último sábado (5). A cadeira atirada tinha como alvo o árbitro da partida.

O Papão do Norte foi citado na súmula do juiz da partida e com isso, pode sofrer algumas punições, desde multa de R$ 100 até R$ 100 mil, até perda do mando de jogo de uma até 10 partidas.

Esse problema pode comprometer todo o planejamento deste ano e também do ano que vem, pois o Moto tem partida decisiva contra o Remo dentro de casa – na 16ª rodada – se vier a punição, terá que jogar fora de São Luís.

Para evitar problemas, o diretor jurídico Adolfo Testi afirmou que está trabalhando para identificar os torcedores que praticaram a ação irresponsável e, assim, amenizar a punição. Um deles já foi identificado, ainda hoje, será aberto um boletim de ocorrência para que o cidadão responda judicialmente pelo ato. “O Moto protocolou um pedido de abertura de inquérito policial para apuração dos fatos, inclusive com a identificação de um dos arremessadores, obtida por meio de um grupo de torcedores do Whatsapp”, disse Adolfo Testi.

Preparação
O técnico Marcinho Guerreiro terá um problema contra o time paraibano, pois Diego Renan foi expulso e está fora do jogo. Com isso, o treinador confirmou Tote como titular. “Temos o Desfalque que é o Dieguinho e é certo que Tote vai entrar na posição. Ele é da posição, então não vamos inventar. Durante a semana, vamos trabalhar a parte, fazer alguns ajustes, porque sabemos que erramos”, disse Marcinho.

VER COMENTÁRIOS
CONTINUAR LENDO
MOSTRAR MAIS