OBRAS

Retorno da Forquilha vai acabar

Sem o retorno, a Avenida Guajajaras se transformará em uma via de fluxo contínuo, que ligará a Cohab e o João de Deus sem as atuais paradas dos semáforos

Sem o retorno, a Avenida Guajajaras se transformará em uma via de fluxo contínuo, que ligará a Cohab e o João de Deus sem as atuais paradas dos semáforos

Famoso pelos problemas de trafegabilidade, o retorno da Forquilha não existe mais. Com um investimento de R$ 8,5 milhões, o Governo do Estado está promovendo uma série de intervenções em 15 mil m² de extensão na Forquilha que vai atingir, pelo menos, 20 bairros da capital – e dos vizinhos Paço do Lumia e São José de Ribamar. Existe, ainda, intenção de eliminar pontos históricos de conflito nas Avenidas Guajajaras, Estradas de Ribamar (MA-201) e Maioba (MA-202), e no Planalto Anil.

Sem o retorno, a Avenida Guajajaras se transformará numa via de fluxo contínuo, que ligará a Cohab e o João de Deus sem as atuais paradas dos semáforos.

Além da entrega das obras no retorno da Forquilha, que deve ocorrer nos próximos dias, outras importantes intervenções foram feitas para desafogar o trânsito na região. Entre elas, estão as melhorias das condições de tráfego nas ruas dos bairros Forquilhinha e Cohab, que dão acesso à Avenida Jerônimo de Albuquerque, como Rua do Livramento, Rua 01, Avenida 08 e Rua 04, que já receberam serviços de drenagem e asfaltamento.

A limpeza de canais e galerias para escoamento de água das chuvas também está no planejamento da obra e deverá ser realizada nos próximos dias.

VER COMENTÁRIOS
CONTINUAR LENDO
MOSTRAR MAIS