MARANHENSE GANHA PASSAGEM

Morador de rua maranhense virou dependente químico em São Paulo

Secretário de Assistência Social pagou do bolso passagem de ônibus para retornar a São Luís

A ‘cracolândia’ no Centro da capital paulista afetaram diretamente o Maranhão. O secretário de Assistência e Desenvolvimento Social, Filipe Sabará, decidiu mandar um morador de rua de volta a São Luís.

Antônio, o maranhense que virou dependente químico em São Paulo, recebeu do próprio secretário passagem de ônibus para São Luís. O maranhense foi resgatado das ruas e tem um histórico de ser morador de rua e dependente químico.

Sabará registrou a ação em vídeo e texto em suas redes sociais no último dia 11 de junho. “Para fechar o dia com chave de ouro, estou levando o Antônio que foi resgatado das ruas hoje, após a ação contra o tráfico, para a rodoviária e o presenteando com uma passagem para sua terra natal no Maranhão”, afirmou.

Antônio, assim como muitos brasileiros de várias regiões do país, foi para São Paulo em busca de um trabalho para sustentar a sua família, mas acabou rejeitado e foi parar nas ruas e, por consequência, nas drogas. “Ele veio para São Paulo buscar oportunidades de trabalho, mas não conseguiu e acabou nas ruas e nas drogas. Agora ele vai reencontrar sua esposa que está grávida e esperando ansiosamente por ele!”, explicou Sabará.

O secretário ainda afirma que o conheceu na unidade de atendimento emergencial criado com foco no abrigo de dependentes de drogas provenientes da Cracolândia. Ao ouvir a história de Antônio acabou se interessando e decidiu ajuda-lo. Após receber um tratamento superficial ainda na unidade, o maranhense recebeu um kit de higiene antes de embarcar para São Luís.

VER COMENTÁRIOS
CONTINUAR LENDO
MOSTRAR MAIS