ESCLARECIMENTO

PDT esclarece doações feitas pela JBS para eleições de 2014

Portanto consta, conforme prestação de contas na Justiça Eleitoral, doações ao comitê financeiro do PDT, pela JBS, de forma legal e transparente

Após a divulgação de que alguns políticos do Maranhão foram beneficiados com pagamentos para a campanha eleitoral de 2014, através da JBS, a Direção Nacional do PDT divulgou nota esclarecendo a situação.
JBS é uma das maiores empresas de processamento de carne bovina e cujo os donos, participaram da delação do Presidente Temer e o senador afastado Aécio Neves,entre outros.
A Direção Nacional do Partido Democrático Trabalhista (PDT), que teve os políticos maranhenses Weverton Rocha Marques de Sousa (R$ 100 mil), Julião Amin Castro (R$ 100 mil), Deoclides Antônio Santos Neto (50 mil) e Rosângela Aparecida Silva Barros (50 mil), envolvidos, informou que, recebeu doações oficiais, através do seu Comitê Financeiro, de diversas empresas privadas conforme a legislação eleitoral vigente no ano 2014.

Confira a nota na íntegra
A Direção Nacional do PDT esclarece que recebeu doações oficiais, através do seu Comitê Financeiro, de diversas empresas privadas conforme a legislação eleitoral vigente em 2014 – ano das eleições nacionais. Portanto consta, conforme prestação de contas na Justiça Eleitoral, doações ao comitê financeiro do PDT, pela JBS, de forma legal e transparente. Esses valores foram repassados, também de forma transparente e oficial para diversos candidatos do PDT em todo Brasil, sem nenhum tipo de contrapartida ou qualquer outra combinação.

VER COMENTÁRIOS
MOSTRAR MAIS