Comemoração

Multidão nos 407 anos de São Luís

A programação cultural organizada para comemorar o aniversário de 407 anos da cidade atraiu grande público para a Praça Maria Aragão em quatro dias de festa

Reprodução

Público lota Praça Maria Aragão durante shows em comemoração ao aniversário de 407 anos de São Luís. A programação cultural organizada pela gestão do prefeito Edivaldo Holanda Júnior para comemorar o aniversário de 407 anos da cidade tem atraído grande público para a Praça Maria Aragão. A banda Mesa de Bar embalou o público ao som de muito arrocha e neste domingo no palco a cantora maranhense Alcione e atrações como o cantor César Nascimento e a Companhia Barrica.“São Luís completa 407 anos e precisamos celebrar. Trouxemos a banda Mesa de Bar, que esteve conosco no São João, para repetir um show que teve uma grande aceitação do público, que mais uma vez lotou a Praça Maria Aragão. É uma satisfação ver que os ludovicences valorizam e participam massivamente do aniversário da cidade”, destaca o secretário municipal de Cultura Marlon Botão.

A programação iniciou às 20h, com o cantor Lucas Seabra, que aqueceu o público com um repertório que misturou arrocha, forró e sertanejo. Grande atração da noite, a banda Mesa de Bar é formada pelos cantores e compositores Luy Diego e Luan Costa, que entraram no palco às 22h, com canções que falam de amor, traição e fatos do cotidiano, com uma boa dose de sensualidade, levando o público ao delírio. A banda surgiu em 2014, tocando na noite um repertório romântico de músicas autorais e sucessos de outros cantores no popular ritmo arrocha.

Luy Diego é maranhense e conta que a banda estourou ano passado: “Em 2018, realizamos um show no bairro Vila Palmeira e este ano participamos do São João da Prefeitura de São Luís. Já apresentamos também em Sergipe e na Bahia e pretendemos alcançar o mercado do Sul e Sudeste em 2020. É uma honra receber esse convite para tocar no aniversário da cidade, principalmente porque eu que sou daqui”, contou.

O grupo já gravou cinco CDs e um DVD e tem como missão levar alegria e descontração para o público, conta o artista Luan Costa, que é baiano. “Agradeço a Deus porque a gente canta e o povo se identifica com o nosso romantismo. Falamos a verdade, o que as pessoas realmente querem escutar e recebemos um carinho muito verdadeiro do público. O romantismo sempre vai estar na moda”, enfatiza.

VER COMENTÁRIOS
COLUNAS E OPINIÃO
Concursos e Emprego
Polícia
Você, Gastrô!
Entretenimento e Cultura
Mais Notícias